Ele terá moral para dizer isto? Ricardo Salgado chama os Portugueses de parasitas!

O ex presidente do BES, Ricardo Salgado, disse literalmente que os portugueses “não querem trabalhar” e que preferem viver à sombra do “subsídio de desemprego”.

O ex-presidente do BES – Banco Espírito Santo, Ricardo Salgado, discursa perante os deputados durante a sua audição na Comissão, a decorrer esta manhã na Assembleia da República em Lisboa, 09 de dezembro de 2014.
A 03 de agosto, o Banco de Portugal (BdP) tomou o controlo do BES, após a apresentação de prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades: o chamado banco mau (um veículo que mantém o nome BES e que concentra os ativos e passivos tóxicos do BES, assim como os acionistas) e o banco de transição que foi designado Novo Banco.
MIGUEL A.


LOPES/LUSA
Ricardo Salgado, presidente do BES, durante a apresentação do Alqueva e das suas potencialidades a investidores estrangeiros.
Quando o assunto foi a falta de trabalhadores portugueses nos campos do Alentejo, Ricardo Salgado foi peremptório: “os portugueses preferem ficar com o subsídio de desemprego”.
Mas para não deixar os investidores nervosos com uma possível falta de mão-de-obra, Salgado garantiu que esse não é um problema pois “se os portugueses não querem trabalhar e preferem estar no subsídio de desemprego, há imigrantes que trabalham alegremente, na agricultura, e esse é um factor positivo”.
Também para João Basto, da Empresa de Desenvolvimento e Infra-Estruturas do Alqueva, “não faz sentido num País com elevados números de desemprego, que exista este desencontro entre a oferta e a procura”, referindo-se ao grande número de imigrantes que se encontram actualmente a trabalhar na agricultura, no interior do País.
Fonte: noticiasaominuto
Comentários

21 cães de raça cruzada! Vais te apaixonar!

Aqui podes conhecer os 21 lindos e apaixonantes resultados de cruzamentos de raças caninas. Quem não adoraria ter alguns destes belos cães em casa?...


316