Depois de ler isto, nunca mais guardará as cebolas no frigorífico!

Há quem não coma de forma alguma e há quem não deixa faltar em casa.
Você pode até ser do primeiro grupo, ainda assim será obrigado a concordar: a cebola é um dos ingredientes mais populares na mesa dos Portugueses.

É um hábito que muitas pessoas têm, mas é fortemente desencorajado por profissionais da área da saúde.

Você sabia que esta não é a forma mais correta de guardar este alimento? Pois é, e não adianta chorar, a solução é aprender a maneira certa.

Quando bem conservada, as cebolas podem durar até um mês, entretanto, se mantidas de maneira inadequada, esse prazo pode não passar de alguns dias.
No caso do frigorífico, a sua temperatura baixa faz que com as cebolas murchem mais rápido.
Segundo estudo do Departamento de Agricultura Americano, o que ocorre é que, sob baixas temperaturas, o amido é convertido em açúcar, acelerando o processo de apodrecimento.
A temperatura ideal para conservar os tubérculos é a temperatura ambiente habitual em Portugal, entretanto não pode ser tão fria como um frigorífico. O ideal é que elas sejam mantidas entre 7 e 10°C, mas, se conservadas a temperaturas um pouco maiores (entre 10 e 25ºC) ainda assim é possível obter uma duração razoável, informou o mesmo estudo.
Além desse “pequeno inconveniente”,  guardar a cebola no frigorífico pode ser uma boa maneira de infestá-la com fungos.
Por isso, muito cuidado.
MAS COMO DEVEMOS ARMAZENAR? A nutricionista Dra. Rachel Oliveira nos trouxe o veredito final sobre a polémica quanto ao armazenamento correto.
“As cebolas devem ser armazenadas em local seco, fresco e bem ventilado, de preferência condicionadas em sacolas de malha, apesar de tantos benefícios, quando expostas ao ambiente húmido do frigorífico, elas podem formar colónias de fungos e também estragar mais rapidamente, além de deixar cheiro e sabor em outros alimentos”.

A nutricionista também ressaltou que “a cebola é um alimento de baixa caloria muito saudável.
Por se tratar de uma hortaliça ‘do bem’, é recomendado que faça parte da alimentação, porque possui quantidades razoáveis de vitaminas C, vitaminas do complexo B, além de sais minerais como fósforo, ferro e cálcio.
É rica também em flavonoides, elemento com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.”
Ficou impressionada? Pois é, mas prepare-se: “A cebola é uma importante aliada contra infecções e é bastante eficaz contra gripes e resfriados, pois ajuda na limpeza das vias respiratórias e, além disso, colabora no tratamento de males estomacais e ajuda a dissolver coágulos sanguíneos”, informou a doutora.
Agora você já sabe, se quer que a cebola cumpra a sua função nutricional, dure muito mais, não infeste outros alimentos ou simplesmente não quer deixar tudo com gosto dela, nada de guardá-la no frigorífico.
Fonte: Brasil Post
Comentários

Fazes a receita em 5 minutos, bebes em 5 dias e emagreces e livras-te do inchaço!

Esta receita leva apenas 2 ingredientes, e é maravilhosa para a nossa saúde quando assim combinada, mas os seus principais...


316